Vereadores de BH votam contra empréstimo para obras em Venda Nova

Por Will Araújo

Na terça-feira (16), o Vetor Norte de Belo Horizonte perdeu a oportunidade de investir mais nos processos de contenção de cheias e enchentes nos córregos que compõem a bacia do Ribeirão Isidoro: sendo o Vilarinho e Nado, presentes em Venda Nova, e o Terra Vermelha e Floresta, na Regional Norte.

Em outras palavras, a PBH pedia a permissão para obter o empréstimo de US$ 160 milhões (cerca de R$ 907 milhões) para progredir na construção dos reservatórios de água para contenção de enchentes e para solucionar pendências urbanísticas nas áreas de risco no entorno da Bacia. Porém, com 12 votos contrários e 27 a favor, a proposta foi rejeitada.

Entre as justificativas da rejeição está a falta de clareza sobre a prestação de contas e sobre o dinheiro, que segundo vereadores de BH, o prefeito alegou no passado “já estar em caixa”.

Votaram contra: – Braulio Lara (Novo) – Ciro Pereira (PTB) – Fernanda Pereira Altoé (Novo) – Flávia Borja (Novo) – José Ferreira (PP) – Marcela Trópia (Novo) – Nikolas Ferreira (PRTB) – Professor Juliano Lopes (PTC) – Professora Marli (PP) – Rubão (PP) – Wesley (PROS) – Wilsinho da Tabu (PP)

Jornal Norte Livre, o jornal de Venda Nova