Bolsonaro visita Venda Nova, BH, para anunciar privatização do metrô da capital

Por Will Araújo

Nesta quinta-feira (30), o presidente Jair Messias Bolsonaro (sem partido) visitará Belo Horizonte, no Palácio Tiradentes, na Cidade Administrativa, situada na Rodovia Papa João Paulo II, 377, Bairro Serra Verde, em Venda Nova, para participar do evento intitulado “1.000 Dias de Governo”. A cerimônia ocorrerá com a recepção do governador Romeu Zema (Novo), a partir das 10h30.

Na data, o chefe do executivo nacional sancionará o Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN 15/21), o qual permite a reestruturação societária da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e a privatização do metrô de BH, com crédito especial de R$ 2,8 bilhões.

Além disso, o presidente Bolsonaro (sem partido) lançará a pedra fundamental do Centro Nacional de Vacinas MCTI-UFMG.

O montante será destinado a viabilizar a ampliação da Linha 1, a construção da Linha 2 (Calafate/Barreiro) e a modernização do serviço, além de regularizar pendências financeiras da CBTU.

Conforme agenda oficial do presidente da república, a última vez que Jair Bolsonaro (sem partido) esteve em Belo Horizonte foi em 30 de janeiro de 2020, mesmo assim, apenas em sobrevoo pelas áreas atingidas pela chuva em Minas Gerais.

A solenidade do dia 30 de setembro, 608 dias após a última visita, será fechada ao público, com limite de apenas 30 profissionais de imprensa no recinto.

Jornal Norte Livre, o jornal de  Venda Nova