Escola Estadual Síria Marques da Silva, no Bairro Jardim Leblon, foi a primeira a receber a iniciativa. Foto: Will Araújo/Jornal Norte Livre.
Escola Estadual Síria Marques da Silva, no Bairro Jardim Leblon, foi a primeira a receber a iniciativa. Foto: Will Araújo/Jornal Norte Livre.
Advertisement

Reconhecendo seu papel na comunidade de Venda Nova, o Jornal Norte Livre lança, neste mês de novembro, o projeto #VendaNovaEduca. A ideia é levar para as escolas da rede pública da Regional capacitações de jornalismo, portanto repassar aos estudantes conceitos básicos da profissão, como a produção de lides (primeiro parágrafo de um texto) e linguagem para rede social, além iniciação jornalística, na qual os alunos entendem o que é ou não notícia. 

A iniciativa chegou, inicialmente, à Escola Estadual Síria Marques da Silva, no Bairro Jardim Leblon, nesta quinta-feira (28). Um grupo pré-selecionado pela direção pedagógica da instituição educacional passou pelas aulas ministradas pelos editores do Jornal Norte Livre, os jornalistas Will Araújo e Gabriel Ronan.

Após a capacitação, o objetivo é que os alunos se tornem verdadeiros assessores de imprensa das escolas a partir da #VendaNovaEduca. Com ela, eles poderão contar o que acontece em suas comunidades e colocar em prática o aprendizado adquirido nas oficinas.


Você é de Venda Nova?

Morador(a) de Venda Nova, fique por dentro de notícias exclusivas e específicas da regional. Clique no botão ao lado/abaixo e siga o Jornal Norte Livre nas redes sociais.


Os estudantes também vão servir como curadores de informação para o Jornal Norte Livre. Ou seja, vão ajudar o veículo de imprensa a acompanhar de ainda mais perto o que acontece na rede pública de educação da Região.

No Síria Marques da Silva, 11 alunos participaram das atividades. Agora, eles vão produzir pautas sobre o dia-dia da escola e, a partir do Norte Livre, informar a comunidade sobre os projetos oferecidos pela instituição vinculada ao governo estadual.

Todo o trabalho é conduzido em parceria com a escola. Ou seja, uma professora acompanha as oficinas e ajuda os estudantes no decorrer do processo de produção de notas jornalísticas sobre o cotidiano escolar.

A ideia nasceu de conversas do Jornal Norte Livre com as professoras de Ensino Fundamental, Sheila Patrick, e português, Maria de Lourdes Souza, além da direção da E.E. Síria Marques da Silva. Elas sugeriram a execução do projeto nas dependências da instituição por uma demanda de atividade extracurriculares para os estudantes da região.

“A Escola Estadual Síria Marques da Silva foi agraciada com esse projeto e é muito gratificante fazer parte dele. Pois é uma oportunidade transformadora, não só pelo conhecimento que os nossos alunos irão adquirir, mas também pelo fato de começarem a produzir notícias a partir da vivência deles”, ressalta a professora de português Maria de Lourdes, de 47 anos.

Como levar o jornalismo para a minha escola?

Você se interessou pelo projeto e quer levá-lo para sua escola? É fácil! Basta entrar em contato com a redação do Jornal Norte Livre a partir do e-mail vendanovaeduca@nortelivre.com.br.


Leia também


É preciso informar seus dados pessoais (nome, telefone e função na escola) para que a equipe de jornalistas entre em contato e marque uma visita.

Depois de agendarmos a reunião, visitamos a escola para traçar o planejamento e, então, iniciamos o projeto #VendaNovaEduca.

Curta e compartilhe nas redes sociais
260Shares