Por Gabriel Ronan

A segunda rodada da categoria feminina da Taça das Favelas colocou frente a frente, neste sábado, as duas equipes representantes de Venda Nova: Jardim Leblon e Conjunto Minas Caixa. Após vencer na primeira rodada, as mulheres do Minas Caixa confirmaram o favoritismo e bateram as rivais por 5 a 1. O resultado complicou a vida do bairro Jardim Leblon, que agora soma duas derrotas na competição.

[custom-related-posts title=”Saiba Mais” order_by=”title” order=”ASC”]


No módulo masculino, neste domingo, os resultados foram o inverso dos primeiros jogos. O time Minas Caixa perdeu por 2 a 0 para Vila Pinho, enquanto Jardim Leblon foi derrotado pelo Aglomerado Santa Lúcia pelo placar mínimo.

Com isso, a melhor campanha de Venda Nova na competição fica por conta do time feminino do Conjunto Minas Caixa, que tem seis pontos em dois jogos. Para manter a invencibilidade, elas precisarão se empenhar diante da Cabana Pai Tomás, no próximo sábado, às 16h.

Por outro lado, as mulheres do Jardim Leblon ainda não saíram do zero no torneio. No domingo, elas vão em busca do primeiro ponto contra a Morada da Serra, às 09h20.

No masculino, os dois representantes somam três pontos e ainda têm chances de classificação. Para isso, Minas Caixa precisa vencer a seleção do bairro Ventosa, no domingo, às 10h40. Já os homens do Jardim Leblon terão pela frente o Conjunto Taquaril, na primeira partida do domingo, às 08h.

A terceira rodada marca a última da fase de classificação. Após o término desta etapa, os quatro primeiros colocados se enfrentam nas semifinais, marcadas para 28 de abril. Os campeões serão conhecidos no dia 29 do mesmo mês.

Confira os jogos do próximo fim de semana abaixo:

[table id=6 /]

[table id=7 /]

A competição

Organizada pela Central Única das Favelas (CUFA), a Taça das Favelas reúne 100 mil jovens no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte. Por aqui, a primeira edição aconteceu em 2017, quando Capitão Eduardo (masculino) e Alto Vera Cruz (feminino)sagraram-se campeões.

Neste ano, a competição dá oportunidades a 768 jovens, entre 14 e 17 anos, de 32 bairros, vilas e favelas. No módulo feminino, não há idade máxima para participar dos jogos. Todas as partidas acontecem entre 08h e 18h, na sede Complexo Poliesportivo do Vale do Jatobá (Avenida Senador Levindo Coelho, 2280 – Mangueiras/Vale do Jatobá).

A fase classificatória vai até 22 de abril, enquanto as semifinais estão datadas para 28 do mesmo mês. Os campeões serão conhecidos no dia 29.

Taça das Favelas tem patrocínio da Secretaria de Estado de Esportes de Minas Gerais (SEESP/MG), a partir da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) e da Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte (Belotur).

Compromisso social

O principal objetivo da Taça das Favelas é dar oportunidades a jovens da periferia de Belo Horizonte, por meio da prática desportiva educacional. Além disso, a competição visa à revelação de talentos, uma vez que o futebol amador tem histórico de surgimento de jogadores de futebol de alto nível.

 


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui