Feliz aniversário da E.M. Antônia Ferreira é marcado pelas cores dourado e preto. Foto: divulgação.
Feliz aniversário da E.M. Antônia Ferreira é marcado pelas cores dourado e preto. Foto: divulgação.
Publicidade

Feliz aniversário! A Escola Municipal Antônia Ferreira, no Bairro São João Batista, em Venda Nova, completa 50 anos de fundação nesta quinta (17). Para comemorar, a direção da instituição criou um drive-thru na unidade para que funcionários e ex-funcionários fossem homenageados. Eles receberam uma lembrança para marcar a data.

“Recebemos as colegas aqui para entregar aos professores e funcionários uma lembrancinha. Encontramos ex-servidores antigos da escola para que eles também recebam a homenagem. Vamos produzir um vídeo com fotos e palavras enviadas por essas pessoas. A escola é um marco da região”, afirma Vania Zane Pinto, diretora da Antônia Ferreira.

Para Vania, os 50 anos da Antônia Ferreira são marcados por meio do acolhimento. “Muitas pessoas aposentaram aqui. Quem vem trabalhar na escola não quer mais sair. Há grupos de pessoas que passaram pela instituição que até hoje têm vínculo”, diz.

CONTINUA APÓS ESTA PUBLICIDADE
Trabalhadoras da educação celebram os 50 anos da Escola Municipal Antônia Ferreira, em Venda Nova. Foto: divulgação.

O drive-thru para desejar feliz aniversário aconteceu nos arredores da escola, na Rua João Gualberto de Abreu. A instituição seguiu os protocolos de segurança para evitar a proliferação do novo coronavírus.

Os estudantes da unidade também vão receber lembranças. Mas, elas serão entregues aos poucos, já que muitos ainda não retornaram às atividades presenciais.

Transmissão ao vivo

Nesta sexta (18), a direção da E.M. Antônia Ferreira realiza uma transmissão ao vivo para celebrar o aniversário de 50 anos. Uma professora fará leitura de um poema em homenagem à escola.

“Conseguimos uma pessoa para tocar músicas também. Além disso, passaremos um vídeo com nossas crianças fazendo uma homenagem. Será um momento de ação de graças”, afirma a diretora Vania Zane Pinto.

O objetivo dela e da vice-diretora Elizabete Sílvia Moura é criar um sentimento de pertencimento na comunidade escolar. Sobretudo, em um momento no qual muitas pessoas estão afastadas da instituição por conta da pandemia.

Vôlei Venda Nova

Foto: Will Araújo/Jornal Norte Livre.
Foto: Will Araújo/Jornal Norte Livre.

A Antônia Ferreira é a casa do vôlei em Venda Nova. É nas dependências da escola que a treinadora Adriana Pires ensina estudantes os fundamentos da modalidade, uma das mais vitoriosas do país nos Jogos Olímpicos.

Adriana toca o projeto em Venda Nova há 18 anos. Em 2019, o Jornal Norte Livre conversou com ela e deu detalhes sobre a iniciativa.

Atualmente, o Vôlei Venda Nova está suspenso por causa da pandemia.

Quem foi Antônia Ferreira?

Antônia Ferreira foi uma educadora da Região de Venda Nova. A luta dela em defesa do ensino motivou a nomenclatura dada à escola em 1971.

Em 2001, quando a escola completou 30 anos, a professora Aline Rogéria escreveu uma carta para dar feliz aniversário à instituição.

“Aqui em Venda Nova, mais uma escola foi criada e recebeu o nome de Antônia Ferreira, nome de mestra, que amou a educação e lutou em defesa de seus ideais”, informa o texto.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

  1. Boa noite, estudei nessa escola de 1ª a 4ª série, de 1978 a 1981. Minha primeira professora foi dona Íris, a segunda Conceição, a terceira e também a quarta foi dona Eunice. Ótimas educadoras. A merenda era uma delícia. Também tinha a biblioteca que eu amava ir lá. Tinha o dia de cinema na biblioteca.
    Quando a merenda era sopa pediam para cada aluno levar um legume.
    Que saudades!
    Meu nome é Rosa Cristina Vieira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui