Reunião da prefeitura vai debater obras contra enchentes em Venda Nova. Foto: reprodução/PBH.
Reunião da prefeitura vai debater obras contra enchentes em Venda Nova. Foto: reprodução/PBH.
Publicidade

As enchentes em Venda Nova serão alvo de debate nesta quarta (19). A Prefeitura de BH promove, a partir das 15h30, uma reunião para informar a comunidade das obras no Córrego do Nado (sub-bacias do Marimbondo e Lareira). O acesso deverá ser feito por meio deste link.

O encontro faz parte das atividades do Grupo de Referência do Empreendimento PAC Córrego do Nado. “Vamos conversar sobre o avanço das obras e ações sociais previstas para os bairros São João Batista e Santa Mônica”, diz o convite da PBH.

Em 17 de fevereiro, a prefeitura realizou um encontro semelhante para discutir as enchentes na Bacia do Ribeirão Isidoro, onde está o Córrego Vilarinho, em Venda Nova. Porém, a comunidade que participou da reunião fez duras críticas à condução da agenda.

CONTINUA APÓS ESTA PUBLICIDADE

“Infelizmente, não é participação popular. Já estão com tudo pronto e fechado. Grandes obras e pouca eficiência e eficácia”, afirmou uma pessoa ligada ao Projeto Manuelzão, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Entenda as obras

As intervenções no Córrego do Nado começaram em maio de 2019, depois de anos de demanda da população de Venda Nova. A empresa vencedora da licitação, Engibrás, tinha 540 dias para entregar a obra pronta, a partir da primeira ordem de serviço.

Porém, com mais 100 dias de atraso, a Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap) emitiu novo prazo para o término, adiando para o fim de 2021 o fim das intervenções.

O objetivo da prefeitura é regular as enchentes dos córregos Marimbondo e Lareira e melhorar o escoamento do Vilarinho.

Portanto, a prefeitura constrói no local redes de drenagem e de esgoto e duas bacias de concreto armado.

As duas bacias serão instaladas entre as ruas Hye e Elce Ribeiro, no São João Batista, no Lareira. A primeira tem 70% de sua execução. Já a segunda ainda está em fase de fundação, segundo a prefeitura.

Ainda no Lareira, a PBH e a empresa Engibrás fizeram redes de drenagem nas ruas Augusto Franco, Oscarlina de Menezes e Hye Ribeiro. O mesmo curso d’água também foi canalizado entre as ruas Doutor Álvaro Camargos e Oscarlina de Menezes.

Oito praças de urbanização também estão no planejamento. Entre elas, está a do Cônsul, conforme noticiado pelo Norte Livre em 1º de abril.

E as enchentes no Marimbondo?

O Córrego Marimbondo, que também compõe a Bacia do Nado, também já tem intervenções em fase final. Segundo a prefeitura, um minitúnel foi construído na Rua José Maria Botelho, no Santa Mônica. A estrutura tem 256 metros de extensão.

A prefeitura interligou esse minitúnel com a galeria principal do Nado, na antiga 12 de outubro. A Sudecap executou o serviço.

Além disso, o Executivo municipal terminou as drenagens das ruas José Maria Botelho e Rui Barbosa, no Santa Mônica.

A gestão Kalil também finalizou as redes de esgoto das ruas Rui Barbosa e Alberto de Oliveira. A execução das redes interceptoras de esgoto no antigo leito do córrego já foram iniciadas e encontram-se em fase avançada.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui