Alunos e professores comemoram vitória - Foto: Mônica Alves de Carvalho - E.E. Ari Da Franca
Publicidade

No final da tarde desta terça-feira (18), a Escola Estadual Ari Da Franca, situada em Venda Nova, descobriu ser uma das vencedoras do concurso nacional “Educar para Transformar”, em que o Instituto MRV premia com apoio técnico e aporte financeiro de R$30 mil os projetos educacionais considerados mais criativos e inovadores no país. O colégio concorreu com, aproximadamente, 150 escolas e conquistou seu lugar com a proposta LudoAprendiz, desenvolvida pelo professor Felipe Gustavo Pinheiro.


Desde o dia 29 de maio, a escola participava de votação nacional para escolha dos dez melhores projetos entre os 20 pré-selecionados pelo Instituto MRV. Durante o pleito, o diretor Igor de Alvarenga Oliveira Icassatti Rojas e o corpo docente do colégio fizeram forte campanha para divulgar a proposta a Minas Gerais e, assim, conseguir votos suficientes.

“Não deu outra”, a comunidade em que a escola está localizada (Venda Nova) abraçou a causa e impulsionou o projeto. Por consequência, vários veículos de imprensa, inclusive, a própria comunicação da Secretaria Estadual de Educação de Minas Gerais (SEEMG), publicaram matérias sobre o assunto, o que catapultou ainda mais a votação.

CONTINUA APÓS ESTA PUBLICIDADE

Além das mídias jornalísticas, páginas da internet também ajudaram na divulgação, como a “Covil dos Jogos”, a “Galápagos Jogos” e a “Amigos do Tabuleiro”. O fotógrafo Éric Andrada também foi crucial na repercussão, pois produziu, gratuitamente, o audiovisual da proposta.



Apesar de esta ser a primeira conquista nacional, a escola já foi vencedora, em âmbito local, do prêmio Gestor Escolar do Ministério da Educação (Mec), o que corrobora a qualidade do ensino na Regional Venda Nova.

“Agora, é aguardar o recebimento da premiação e executarmos seguindo as resoluções vigentes do Estado de Minas Gerais. Para a execução, contaremos com o apoio do nosso colegiado escolar, formado por pais, alunos, servidores e professores”, diz o diretor.

O projeto

A proposta desenvolvida por Pinheiro alia a interdisciplinaridade do ensino aos jogos de tabuleiro, envolvendo biologia, geografia, matemática e outros estudos na metodologia lúdica.

Durante a prática, identificamos as dificuldades acadêmicas dos discentes e dissolvemos conflitos, melhorando as relações sociais, as capacidades cognitivas e o ambiente escolar. Com o prêmio, será possível capacitar mais professores para o uso da metodologia e expandir o projeto para, quem sabe, uma Ludoteca, diz o professor.

Com a vitória, a escola terá outro espaço para desenvolver novas práticas pedagógicas. O aporte de R$ 30 mil possibilitará a criação de uma Ludoteca e novos ambientes de aprendizagem, o que auxiliará na redução da evasão escolar e melhoria dos índices educacionais, diz o diretor.

Receber o reconhecimento nacional é uma enorme satisfação. O professor Felipe é muito dedicado e sempre disponível. Contamos com o apoio do nosso ex-aluno Éric Andrada, que fez um lindo vídeo sobre o projeto. Ambos excelentes profissionais. As ideias inovadoras fazem a total diferença no ambiente escolar. Estou muito orgulhoso de estar à frente da E.E Ari Da Franca e poder viver este momento junto com a comunidade escolar. A função de gestor escolar é muito desafiadora e está envolta de muita responsabilidade. Ter o reconhecimento das ações realizadas em nossa escola é a maior recompensa profissional. Nossa comunidade participou ativamente de todo o processo. Por isso, em nome da nossa escola, agradeço  à todos os pais e/ou responsáveis, alunos, professores, servidores do corpo administrativo e apoiadores, eles abraçaram a causa e colocaram a nossa E. E. Ari Da Franca em destaque no cenário nacional. Obrigado!

Igor de Alvarenga Oliveira Icassatti Rojas

Diretor E. e. Ari da franca

Saudações! O Projeto LUDOAPRENDIZ foi um dos vencedores no programa Educar para Transformar do Instituto MRV. Como a etapa final foi decidida por voto popular, nada mais justo do que agradecer a todos que fizeram o nosso projeto triunfar: Aqueles que colaboraram, acreditaram, votaram… Todos merecem nossos louvores! Agora é seguir adiante e fazer nossa educação ser digna da confiança de todos que apoiaram… Coragem e adiante!

Felipe Gustavo Pinheiro

Professor E.E. Ari da franca



Publicidade
Jornalista graduado pelo Centro Universitário de Belo Horizonte — UniBH (2017), jornalista editor no Jornal Norte Livre com passagem pelo Jornal Daqui BH, ambos parceiros hiperlocais do Portal Uai/Diários Associados. Professor e sócio na empresa "Quando - Fábrica de narrativas", conteudista, SEO (Search Engine Optimization), videomaker, fotógrafo e entusiasta como ilustrador, desenvolvedor web e animador 2D."Os livros são o templo do jornalista, mas é nas ruas que ele congrega". Will Araújo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui