Trilha voltada ao turismo do Sesc Venda Nova | Crédito: Tarcísio de Paula
Trilha voltada ao turismo do Sesc Venda Nova | Crédito: Tarcísio de Paula
Publicidade

Nesta segunda (27/9), se comemora o Dia Mundial do Turismo. Quando se fala nisso no Brasil, muita gente sempre pensa nas praias. Mas, até mesmo em Venda Nova é possível aproveitar boas opções de lazer.

Há alternativas para todos os gostos: desde ambientes que guardam o patrimônio histórico da região e de Belo Horizonte, até espaços de contemplação da natureza.

Parque Estadual Serra Verde

Trilhas do Parque Estadual Serra Verde, em Venda Nova. Foto: divulgação/IEF.
Trilhas do Parque Estadual Serra Verde, em Venda Nova. Foto: divulgação/IEF.

Ao lado da Cidade Administrativa, sede do Governo de Minas Gerais, o Parque Estadual Serra Verde (Rua da Cavalariça, 99 – Serra Verde) abriga 142 hectares de mata em área de transição entre o Cerrado e a Mata Atlântica. Opção perfeita para o turismo com foco na natureza.

CONTINUA APÓS ESTA PUBLICIDADE

No local, a administração costuma realizar diversos eventos, como trilhas e passeios contemplativos. O parque é uma contrapartida da construção da Cidade Administrativa na tentativa de conservar e recuperar o ecossistema da região.

A sede do Parque (administração e centro de visitantes) abre de segunda à sexta, das 9h às 17h. A entrada é gratuita. A administração esclarece dúvidas por meio do telefone (31) 3455-5266.

Mirante

Mirante de Venda Nova | Foto: Will Araújo/Jornal Norte Livre.
Mirante de Venda Nova | Foto: Will Araújo/Jornal Norte Livre.

Na Avenida Oceano Atlântico, 696 – Bairro Jardim dos Comerciários –, está o Mirante do Parque Estadual Serra Verde. De lá, o turista consegue contemplar a vista de Venda Nova.

O espaço é aberto ao público e não é preciso pagar para visitar. No local, é comum a realização de atividades culturais e de turismo, até mesmo a soltura de fogos de artifício durante o réveillon.

Sesc Venda Nova

Trilha do Sesc Venda Nova | Crédito: Tarcísio de Paula
Trilha do Sesc Venda Nova | Crédito: Tarcísio de Paula

Quadras poliesportivas, campo de futebol, auditório para eventos e trilhas de baixa complexidade são as principais atrações do Sesc Venda Nova (Rua Maria Borboleta, s/n, Bairro Novo Letícia) para o turismo. No local, o turista encontra um hotel para hospedagem, além de diversas atividades até mesmo gratuitas, como cursos e serviços.

O Sesc Venda Nova teve inauguração em 1958. O espaço se tornou a casa do futebol feminino e do futebol de base de Minas Gerais ao sediar partidas de Atlético, Cruzeiro e América.

Recentemente, também se inaugurou a pista de Mountain Bike de BH, no Sesc. Para hóspedes, o serviço é gratuito. Outros públicos têm acesso ao lazer por R$ 20 em dias úteis e R$ 30 nos fins de semana e feriados.

Centro Cultural Venda Nova

Centro Cultural de Venda Nova | Crédito: Divulgação/Gercom Venda Nova
Centro Cultural de Venda Nova | Crédito: Divulgação/Gercom Venda Nova

Localizado no bairro Jardim dos Comerciários, o Centro Cultural de Venda Nova (CCVN – Rua José Ferreira Santos, 184) é o maior centro cultural de Belo Horizonte, em espaço físico. Essa característica tem com causa, sobretudo, a vasta área verde, que tem, aproximadamente, 3.600 metros quadrados, 91% de todo local.

O local surgiu com investimentos do Orçamento Participativo, por meio de um processo de luta popular em 2007. Hoje, o CCVN é espaço de desenvolvimento e incentivo à cultura e do turismo em Venda Nova, com acessibilidade e oferta de diferentes atrações e eventos.

Por conta da pandemia da COVID-19, as atividades estão suspensas de maneira temporária. Enquanto isso, toda semana o centro oferece atividades virtuais à população por meio do YouTube.

Centro de Referência da Memória de Venda Nova

Centro de Referência da Memória de Venda Nova. Crédito: Gercom/VN.
Centro de Referência da Memória de Venda Nova. Crédito: Gercom/VN.

Na Rua Boa Vista, bem na Região Central de Venda Nova, está o Centro de Referência da Memória de Venda Nova. O Casarão Azul e Branco, como a população o conhece, teve sua construção em 1894, nas proximidades onde existia a venda que deu nome à Regional.

A Prefeitura de BH o tombou como patrimônio histórico da cidade em 2003. Mais tarde, em 2007, o Casarão pegou fogo, sendo restaurado e entregue à comunidade pela prefeitura em agosto de 2013, junto com a Umei Venda Nova.

Hoje, ele guarda a história de Venda Nova, e artistas o usam para sediar oficinas e exposições. Atualmente, por conta da pandemia, o espaço não está aberto para visitação.

[td_smart_list_end]

O que é o turismo?

Basicamente, turismo é tudo aquilo que fazemos que foge do nosso normal durante uma viagem. Quem o faz é o próprio turista.

Que tipo de turismo existe?

São diversos: de estudo, histórico, rural, aventura, esportes, natureza etc.

Qual é o ponto turístico mais visitado do mundo?

A França, de acordo com Organização Mundial do Turismo (OMT). O país europeu abriga atrações históricas, culturais, esportivas e gastronômicas.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui