Romeu Zema (NOVO) e Jair Bolsonaro (PSL): os líderes da votação em Venda Nova. Fotos: reprodução/Wikimedia Commons e Gustavo Lima/Câmara dos Deputados.
Romeu Zema (NOVO) e Jair Bolsonaro (PSL): os líderes da votação em Venda Nova. Fotos: reprodução/Wikimedia Commons e Gustavo Lima/Câmara dos Deputados.
Advertisement

As eleições em Venda Nova seguiram o padrão do resto de Minas Gerais e do Brasil. Nas 38ª e 334ª zonas eleitorais, localizadas na região, Romeu Zema (NOVO) e Jair Bolsonaro (PSL) venceram seus adversários e tiveram a preferência do eleitor.

Na disputa pelo Palácio do Planalto, Bolsonaro somou 114.539 votos, enquanto Fernando Haddad (PT) teve 57.401 votos. O atual deputado federal computou 66.6% dos votos válidos em Venda Nova, contra 33.3% do ex-prefeito de São Paulo.

Na comparação com o primeiro turno, Haddad foi quem mais cresceu, já que mais que dobrou sua votação. Saiu de 26.6 mil votos para 57.4 mil, um aumento de 115.7%. O capitão da reserva, por sua vez, saltou de 100.527 votos para 114.539 – acréscimo de 13.9%.

Quanto aos brancos e nulos, Venda Nova também apresentou um aumento – estabelecido em 23.36%. Enquanto 20.241 eleitores optaram pela opção no primeiro turno, na segunda etapa do pleito foram 24.969 cidadãos.

Governador

A disputa para o governo do estado foi amplamente liderada por Romeu Zema (NOVO) em Venda Nova. O empresário teve 102.269 votos (63.3%) nas 38ª e 334ª zonas eleitorais, diante de 59.163 (36.3%) do atual senador Antônio Anastasia (PSDB).

Quanto ao crescimento, Zema também liderou. uma vez que apresentou um salto de 53,86%. O ex-governador Anastasia também cresceu, mas um valor inferior ao do adversário: 21,45%.

Ao contrário do pleito presidencial, os votos brancos e nulos diminuíram no segundo turno do governo do estado. Foram 35.387 abstenções na segunda etapa, contra 42.124 da primeira, uma diminuição de 15,99%.

*Os números obtidos para essa matéria se baseiam nos resultados divulgados pelo  Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE/MG)

Curta e compartilhe nas redes sociais
7Shares