Centro de Saúde Serra Verde - Foto - Rodrigo Clemente - PBH
Advertisement

De acordo com a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), Venda Nova possui em torno de 281.774 habitantes e teve, neste ano, 52.500 imóveis tributados pelo Imposto Predial e Territorial (IPTU). Em 2018, foram arrecadados na capital, por meio do imposto, R$1,52 bilhão, dos quais a Regional contribuiu com R$62,85 milhões, aproximadamente 4% do valor total.

Em 2019, os descontos para o pagamento antecipado do IPTU incentivaram cerca de 385 mil contribuintes a pagarem as duas primeiras parcelas ou quitarem integralmente o imposto. Com isso, foram arrecadados em Belo Horizonte, até o dia 21 de janeiro, R$690 milhões. Venda Nova pagou, precocemente, R$29,12 milhões.


Leia também


Segundo PBH, “o valor arrecadado com o IPTU vai para o caixa único da Prefeitura de Belo Horizonte e é destinado à realização de obras, serviços em saúde, educação, lazer, mobilidade, manutenção e investimentos em toda a cidade”. Após entrar no caixa único, o IPTU fica indivisível, o que impossibilita a informação de quanto do imposto é aplicado separadamente.

No ano passado, o orçamento total executado pela PBH foi de R$10,3 bilhões, dos quais R$2,9 bi foram distribuídos entre as Regionais. O restante, R$7,4 bilhões, não foram regionalizados, “devido à característica centralizada de algumas despesas, tais como: obras estruturantes de mobilidade e de saneamento, hospitais (que atendem mais de uma regional), segurança, entre outras”, diz a assessoria de comunicação da Prefeitura.

Ou seja, apenas alguns programas e obras recebem fundos considerados divididos por regionais, como orçamentos participativos e outros. Os demais são aplicados sem divisão administrativa por atenderem a diversas partes da cidade, como os investimentos em transporte público.

No ano passado, a PBH investiu na Regional R$355 milhões, sendo o segundo maior investimento passível de identificação. Veja abaixo a tabela de execução do orçamento da Prefeitura em 2018.

RegionalEmpenhado 2018
BarreiroR$ 392 milhões
Venda NovaR$ 355 milhões
NordesteR$ 353 milhões
Centro SulR$ 344 milhões
NorteR$ 308 milhões
NoroesteR$ 306 milhões
PampulhaR$ 302 milhões
OesteR$ 300 milhões
LesteR$ 270 milhões
TotalR$ 2,9 bilhões

Venda Nova é a Regional com a maior densidade demográfica da capital e com a segunda menor renda média (R$759, segundo Censo de 2010). São 9662 habitantes por quilômetro quadrado. Talvez, por esse motivo, precise de mais investimentos. Ainda assim, o valor aplicado não foi o suficiente para suprir as ausências das gestões anteriores, que culminaram nas tragédias ocorridas no Córrego Vilarinho, Borges (12 de outubro) e outros.


Ainda não seguiu nossas redes sociais?

Você é morador(a) de Venda Nova e quer receber notícias específicas e exclusivas da Regional? Confira nossas redes sociais no Facebook e Instagram. Clique no botão ao lado.


Curta e compartilhe nas redes sociais
11Shares
Jornalista graduado pelo Centro Universitário de Belo Horizonte — UniBH (2017), jornalista editor no Jornal Norte Livre com passagem pelo Jornal Daqui BH, ambos parceiros hiperlocais do Portal Uai/Diários Associados. Professor e sócio na empresa "Quando - Fábrica de narrativas", conteudista, SEO (Search Engine Optimization), videomaker, fotógrafo e entusiasta como ilustrador, desenvolvedor web e animador 2D. "Os livros são o templo do jornalista, mas é nas ruas que ele congrega". Will Araújo