Foto: Gabriel Ronan/Norte Livre.
Foto: Gabriel Ronan/Norte Livre.
Advertisement

Um vazamento de gás interdita a Avenida Vilarinho, no sentido Centro de Belo Horizonte, na manhã desta sexta-feira (31). O incidente aconteceu na interseção das avenidas Vilarinho, Doutor Álvaro Camargos e Rua Padre Pedro Pinto, pouco antes da trincheira que dá acesso à Dom Pedro I. Ninguém ficou ferido.

Segundo os militares do Corpo de Bombeiros, uma empresa privada, contratada pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), fazia a sondagem do terreno. A perfuração aconteceu por volta das 11h.

Os bombeiros já acionaram a Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig), que será responsável por conter o vazamento. De acordo com a Gasmig, a situação é controlada e a válvula que permite o escapamento já foi desligada.



Ainda conforme a Gasmig, muito provavelmente a companhia privada não prestou atenção nos avisos que estão ao redor da tubulação. Isto é, os folhetos que alertam para o risco em caso de perfuração.

Segundo um funcionário da empresa privada que conversou com o Norte Livre, os bombeiros foram acionados assim que houve a perfuração. De acordo com ele, a companhia fez outro serviço de sondagem nesta semana, também na Vilarinho, mas nas proximidades da Avenida Cristiano Machado.


Você é de Venda Nova?

Morador(a) de Venda Nova, fique por dentro de notícias exclusivas e específicas da regional. Clique no botão ao lado/abaixo e siga o Jornal Norte Livre nas redes sociais.


Quem passa pelo local enfrenta lentidão no trânsito. A Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) desvia o fluxo no sentido da Rua Padre Pedro Pinto.

Por volta das 11h30, além dos bombeiros e da BHTrans, as polícias Militar e Civil estavam no local.

Atualização – VAZAMENTO DE GÁS (VILARINHO)

O engarrafamento causado pela interdição da Avenida Vilarinho, no sentido Centro, chegou próximo ao Cartório de Venda Nova (Cartório Souza Machado – Ofício de Registro Civil e Tabelionato de Notas).

Engarrafamento provocado pela interdição da Avenida Vilarinho - Foto: Will Araújo/Norte Livre
Engarrafamento provocado pela interdição da Avenida Vilarinho – Foto: Will Araújo/Norte Livre

Após a contenção do vazamento e a liberação de toda a substância da tubulação, os militares, com equipamentos específicos, realizaram a medição para detecção de gás. O local foi liberado para execução das obras de restabelecimento dos dutos. O isolamento foi reduzido.


Leia também


Curta e compartilhe nas redes sociais
147Shares