Argila Branca - Pixabay
Argila Branca - Pixabay

Por Caroline Araújo – CRBM 8948

Surpreendendo-me com o mercado de dermocosméticos atual. A cada dia, novas tecnologias, benefícios e inúmeras funções vão surgindo com o intuito de oferecer ao consumidor a tão sonhada pele perfeita. Todavia, alguns ativos antigos continuam muito procurados pelos clientes e profissionais da estética, sendo um grande exemplo as argilas.


Leia mais textos da colunista

Materiais de origem natural, as argilas são ricas em minerais que trazem muitos benefícios para a cútis. Basta saber qual a cor ideal para tratar o seu tipo de pele, pois cada uma delas representa uma funcionalidade diferente.

Elas podem ser usadas tanto sozinhas quanto em associações com cremes ou outros produtos, porém, é fundamental ter auxílio de um profissional no momento do tratamento para que você não perca os princípios ativos ou, até mesmo, proporcione efeitos indesejados.

Antes de iniciar o tratamento com as argilas, é importante fazer a avaliação da pele e, assim, com base no diagnóstico, escolher o tipo correto para atender às suas necessidades. A indicação dos intervalos corretos de uso também são dever do profissional, a fim de conseguir os melhores resultados possíveis.

Vale a pena lembrar que outros cuidados são importantes para que sua pele permaneça saudável, como o uso do filtro solar, boa alimentação e ingestão hídrica adequada.

Tipos de argilas e suas funcionalidades

1Argila Branca:

Branca – Fonte – Pixabay

possui silício e alumínio e é muito indicada para peles sensíveis devido ao seu PH. Ela atua como facilitadora da circulação sanguínea local e atende às necessidades de quem busca efeitos clareadores e revitalizantes

2Argila Verde:

Verde – Pixabay

possui óxido de ferro, silício e zinco e é muito indicada para peles oleosas e acneicas. Ela tem papel desintoxicante, adstringente, anti-inflamatória e cicatrizante, atendendo às necessidades de quem busca uma pele mais sequinha e sem espinhas

3Argila Vermelha:

Vermelha – Pixabay

possui óxido de ferro e cobre e é muito indicada para peles maduras. Ela atua na microcirculação, proporciona efeito tensor, hidratante e anti-estresse, atendendo ao público que busca rejuvenescer

4Argila Rosa:

Rosa – Pixabay

possui alumínio, óxido de ferro e cobre e é muito indicada para peles secas e sensíveis; atua na regulação da microcirculação, facilita a circulação sanguínea local, tem efeito purificante e calmante

5Argila Preta:

Preta – Pixabay

possui silício, alumínio e titânio e sua indicação é focada em peles maduras, porém, também pode ser usada como prevenção ao envelhecimento. Atua na circulação sanguínea, na reconstituição celular, além de ter efeitos desintoxicantes e antinflamatórios

6Argila Amarela:

Amarela – Pixabay

possui silício e potássio, podendo ser usada em todos os tipos de pele. Atua na regeneração celular, com ação nutritiva e purificante, promovendo efeito rejuvenescedor

7Argila Roxa:

Roxa – Pixabay

possui magnésio e é indicada para peles maduras. Atua como tensor e estimulante da síntese de colágeno, além de promover nutrição

8Argila Marrom:

Marrom – Pixabay

possui silício, alumínio e titânio, é um pouco mais rara de ser encontrada e possui indicação para peles acneicas. Atua como “desinfiltrante”, adstringente, revitalizadora e desintoxicante, atendendo o público que deseja tratar acne e manter a pele mais jovem.

Curta e compartilhe nas redes sociais
4Shares