Corte Momesca representa a mitologia do Carnaval, a a partir das figuras do Rei Momo, da Rainha e da Princesa. Foto: Robson Vasconcelos/PBH.
Corte Momesca representa a mitologia do Carnaval, a a partir das figuras do Rei Momo, da Rainha e da Princesa. Foto: Robson Vasconcelos/PBH.
Advertisement

O Carnaval 2019 já começa a ter seus protagonistas definidos nas próximas semanas. A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte (Belotur), abriu inscrições para a Corte Momesca da cidade. O grupo se compõe a partir de três personagens: Rei Momo, Rainha e Princesa. 

Quem tiver interesse em participar precisa se inscrever, gratuitamente, até o próximo dia 27. O sambista tem que comparecer ao Departamento de Operações e Eventos da Belotur, entre 10h e 17h dos dias úteis. A unidade está localizada na Rua da Bahia, 888, 7º andar. 

As premiações são de R$ 12 mil para o Rei Momo, o mesmo valor para a Rainha e R$ 9 mil para a Princesa. A seleção passa por duas fases: a primeira delas escolhe oito pessoas, que se classificam para a última etapa.

Na segunda triagem, marcada para 2 de dezembro, os interessados precisam comparecer ao Centro Cultural Liberalino Alves de Oliveira, no Mercado da Lagoinha (Avenida Presidente Antônio Carlos, 821 – Bairro São Cristóvão). Lá, os candidatos vão passar por duas provas práticas, nas quais vão precisar mostrar simpatia, desembaraço, elegância e, claro, muito samba no pé. 

Para participar, o interessado precisa seguir os seguintes requisitos:

I. Ser brasileiro nato ou naturalizado;

II. Ser residente e domiciliado no Município de Belo Horizonte;

III. Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos na data da inscrição para a eleição;

IV. Ter concluído o ensino fundamental / 1º Grau;

V. Não ser vinculado a nenhum órgão da Administração direta ou indireta da Prefeitura de Belo Horizonte;

VI. Não ter sido Rei Momo, Rainha ou Princesa do Carnaval 2018 de Belo Horizonte;

VII – Ser do sexo masculino (Rei Momo) ou feminino (Rainha e Princesa);

VIII. Ter disponibilidade de horários para cumprir agenda a ser estabelecida pela Belotur, em momento oportuno.

Quanto aos documentos, a prefeitura indica que devem ser apresentados:

I. Carteira de Identidade;

II. CPF;

III. Comprovante de residência em nome próprio, ou do pai, da mãe, cônjuge, desde que devidamente comprovado, ou contrato de aluguel;

IV. Certificado ou declaração de escolaridade;

V. . Número de inscrição no INSS/PIS, PASEP ou NIT;

VI. . Atestado de bons antecedentes;

VII. Atestado médico de aptidão física, com data recente ao concurso, informando que o inscrito está em ótimas condições de saúde visando o cumprimento do contrato, caso eleito para o mandato;

VIII. Assinatura em declaração (anexo II) de conhecimento do Regulamento para Eleição do Rei Momo do Carnaval de Belo Horizonte de 2019;

IX. Declaração, de próprio punho, informando que não é servidor público e/ou que não está vinculado a nenhum outro órgão da Administração direta ou indireta da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte.

Confira todos os detalhes para a escolha do Rei Momo do Carnaval 2019 aqui. 

Saiba todas as informações para a seleção da Rainha e da Princesa do Carnaval 2019 aqui.

Venda Nova

Procurada pela reportagem, a Acadêmicos de Venda Nova, tradicional escola de samba da regional, informou que estuda a indicação de membros para a Corte Momesca do Carnaval 2019. Ainda não há confirmação de quais nomes seriam inscritos.

Leonardo de Jesus, atual vice-presidente da agremiação, já foi Rei Momo da festa. No primeiro semestre, o Norte Livre contou a história dele e da Acadêmicos de Venda Nova em um especial produzido às vésperas do Carnaval (clique aqui para conferir).

Curta e compartilhe nas redes sociais
3Shares