Córrego Marimbondo e poluição - Foto 2 - Gabriel Ronan
Córrego Marimbondo e poluição - Foto 2 - Gabriel Ronan

Por William Araújo

Adiadas desde 2014, quando a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) desapropriou moradores do entorno dos córregos Marimbondo (bairro Santa Mônica) e Lareira (bairro São João Batista) e alegou necessidade de pausar o processo por motivos de “ajustes nas planilhas que compõem o projeto”, as obras de tratamento de fundo de vale e controle de cheias na bacia do córrego do Nado voltam, agora, à pauta e têm previsão de início em dezembro deste ano, segundo nota da Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura (SMOBI).


Leia mais sobre as obras

De acordo com a SMOBI, a Engibrás foi a vencedora da licitação (SMOBI 012/2018 – RDC) reaberta na segunda quinzena de julho. No dia 25 de outubro, a empresa teve a homologação divulgada no Diário Oficial do Município e passou para fase de elaboração e publicação do contrato.

As obras fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento 2 (Pac2) e estão estimadas em R$44 milhões. Após a assinatura da primeira ordem de serviço, a empresa responsável pela execução terá 540 dias para conclusão do empreendimento.

Veja aqui o edital de licitação.

Paulo Ribeiro da Silva, morador do bairro Santa Mônica e líder comunitário conhecido como Paulo Barzel, recebeu a notícia da previsão do recomeço das obras como um presente. Segundo o vendanovense, tudo começou em 1987 quando um grupo de residentes do bairro, inconformados com a situação da Rua Lírica, buscaram por meio da PBH a resolução dos problemas.

“Foram anos de luta até que a demanda passasse a ser uma responsabilidade do governo federal. Em seguida, a PBH desapropriou os moradores do entorno dos córregos e começamos a conviver com muita sujeira, ratos e outros animais peçonhentos até que alguma providência fosse tomada. Agora, com essa previsão, vemos o reinício das obras como um presente bem merecido”, diz Paulo.

 

Entenda o caso

Desde 2014, os moradores do entorno dos córregos Lareira e Marimbondo tiveram algumas residências invadidas e precisaram lidar com pessoas que se alojaram nas casas desapropriadas para demolição. Por isso, em março deste ano, líderes comunitários do bairro Santa Mônica buscaram a ajuda do Jornal Norte Livre para que os riscos fossem explicitados.

1. Março

Na primeira visita da equipe de reportagem ao local, em 16 de março, alguns andarilhos que estavam usando as casas para práticas ilícitas tentaram, sem animosidades, obter informações sobre as motivações do jornal. A matéria foi publicada na mesma data:

2. Abril

Em seguida, houve uma visita técnica agendada pelo vereador Cláudio Duarte, que gerou a delimitação do prazo de início para a demolição das casas no bairro Santa Mônica. Entretanto, a PBH descumpriu o prazo.

3. Maio

Após reportagem do Jornal Norte Livre ter explicitado a situação, a PBH definiu novo prazo e, com poucos dias de atraso, em maio, começou as obras de demolição.

4. Julho

Desde março de 2018, o Jornal Norte Livre acompanhou, também, o desenrolar das obras no entorno do córrego Lareira. Inclusive, solicitando à Superintendência de Limpeza Urbana (SLU) prazos para limpeza das margens do curso d’água no bairro São João Batista. Em julho, a PBH reabriu a licitação para as obras de tratamento de fundo de vale e controle de cheias na bacia do córrego Nado.

5. Agosto

A licitação sofreu novo atraso e nova matéria foi publicada expondo o problema. A PBH cumpriu o prometido e restabeleceu o andamento das candidaturas de empresas.

6. Outubro

Em outubro, a empresa Engibrás venceu a licitação e passou a tramitar entrega de documentações. Ao todo, foram nove matérias produzidas pelo Jornal Norte Livre sobre o assunto com o intuito de fazer o acompanhamento que os moradores pediram.


 

Curta e compartilhe nas redes sociais
7Shares
Jornalista graduado pelo Centro Universitário de Belo Horizonte - UniBH, Bolsista PCCT na Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (Fapemig)/Minas Faz Ciência, ilustrador, cartunista, videomaker, desenvolvedor web, jornalista editor no Jornal Norte Livre - parceiro hiperlocal do Portal Uai - com passagem pelo Jornal Daqui BH, conteudista, SEO (Search Engine Optimization), fotógrafo, animador 2D.