Imagem ilustrativa - Aplicação de Botox - Fonte e criação: Freepiks
Imagem ilustrativa - Aplicação de Botox - Fonte e criação: Freepiks
Advertisement

Por Caroline Araújo – Biomédica Esteta – CRBM/MG 8948

Certo dia, durante atendimentos, uma cliente questionou: “existe idade certa para começar a usar toxina botulínica?” Respondi o que deveria, mas isso me levou a pensar como as pessoas ligam a toxina aos anos de vida que têm e não às verdadeiras indicações do produto.

Muito conhecida devido a marca Botox®, a toxina botulínica tipo A possui inúmeras recomendações terapêuticas no âmbito atual da medicina. Hoje, a encontramos empregada desde o tratamento de dores diversas até em problemas como blefaroespasmo (espasmo das pálpebras). Ela é usada até mesmo como método terapêutico para correção do estrabismo, acredita?!

Para essas utilizações, é necessária a consulta prévia com um médico (a). Entretanto, no campo da estética, biomédicos (a), farmacêuticos (a) e outros profissionais habilitados podem realizar o tratamento.

Vivemos numa sociedade na qual os padrões de beleza são impostos e o envelhecimento é o pesadelo de muitos. Na estética, a toxina botulínica é procurada por homens e mulheres com a finalidade de alcançar a tão almejada harmonização facial e o retardo do tempo.

Mas, qual seria a idade correta para procurar o auxílio da toxina botulínica tipo A?

Os profissionais da saúde devidamente regulamentados a realizar tal procedimento dizem não existir idade exclusiva. Por experiência no mercado, concordo quando meus colegas afirmam não existir faixa etária específica para o início do tratamento estético.

Para saber quando começar a procurar uma clínica especializada, é preciso avaliar um conjunto de fatores que irão determinar a resposta para a pergunta: devo aplicar Botox?

O tipo de alimentação, o grau  de envelhecimento da pele por exposição solar e até mesmo fatores hereditários e ou hábitos diários do indivíduo podem ajudá-lo a decidir.

Por isso, atrelar somente a faixa etária ao início do uso do Botox é um erro. Algumas pessoas irão necessitar procurar o auxilio mais cedo, outras mais tarde e assim por diante.

O que vemos muito e recomendamos é que pessoas, em torno dos 30 anos, passem a ter esse pensamento e cuidado como medida preventiva às temidas rugas.

A toxina age como um bloqueador da contração muscular, levando ao extremo relaxamento das fibras e evitando que, com o movimento dos músculos, nossas expressões faciais marquem a pele. Seu efeito dura em média seis meses. Após esse prazo é necessária nova aplicação para, dessa forma, alcançar resultados harmônicos e naturais.

Assim, ao invés de ligar o uso da toxina apenas à idade, procure um profissional especializado para realizar a sua consulta. Seguindo o caminho correto, você estará amparado e livre de intercorrências.

Como todo e qualquer procedimento estético, existem riscos e contraindicações, por isso, é muito importante que o seu tratamento seja realizado somente por alguém habilitado e capacitado. Para isso, não deixe de conversar com um profissional de confiança antes de tomar qualquer decisão.

Curta e compartilhe nas redes sociais
25Shares
Caroline Araújo é Biomédica Esteta com atuação em Belo Horizonte, Minas Gerais. Na coluna opinião, ela esclarece sobre procedimentos e dúvidas comuns ao campo da estética.