Escultura de bronze homenageia Zumbi dos Palmares em Salvador (BA). Foto: Reprodução/Wikimedia Commons.
Escultura de bronze homenageia Zumbi dos Palmares em Salvador (BA). Foto: Reprodução/Wikimedia Commons.
Advertisement

Nesta terça-feira (20), se comemora mais um Dia da Consciência Negra no Brasil. Em Belo Horizonte, assim como em outras capitais do País, vários eventos prometem valorizar a cultura afro na data especial.

Instituída em 2003, a data faz alusão a morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares, morto degolado em 1695. O dia foi criado pela Lei 10.639/03, promulgada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O documento determinava a inclusão da “História e Cultura Afro-Brasileira” no currículo escolar brasileiro.

Confira a programação

Festival Somos Todos Black

Rua Guaicurus, entre ruas da Bahia e Espírito Santo, receberá a cultura negra no fim de semana. Foto: reprodução/Facebook.
Rua Guaicurus, entre ruas da Bahia e Espírito Santo, receberá a cultura negra no fim de semana. Foto: reprodução/Facebook.

Com shows de Flávio Renegado, Manu Dias, Sérgio Pererê, Das Quebradas e o coletivo Negras Autoras, o Festival Somos Todos Black vai agitar o Centro de BH neste sábado (das 13h às 0h30) e domingo (das 13h às 20h). O evento, que acontece na Rua Guaicurus, terá também muita comida de qualidade com os cozinheiros do Circuito Gastronômico de Favelas. 

A programação, contudo, se inicia já nesta terça (20), quando haverá uma celebração na Cidade Administrativa a partir das 12h.

Centro Cultural Venda Nova (CCVN – Rua José Ferreira dos Santos, 181 – Jardim dos Comerciários)

Desde o último dia 6 e até o fim do mês, o CCVN abriga a “Exposição Bambá de Leitura: Uma história de liberdade e resistência”. Trata-se de uma programação que destaca o acervo de grandes títulos de escritores negros. Entre eles, obras de Conceição Evaristo, Chimamanda Ngozi, Elisa Lucinda, Lázaro Ramos, Lima Barreto e Machado de Assis.

Centro Cultural Zilah Spósito (CCZS – Rua Carnaúba, 286, Conjunto Zilah Spósito – Jaqueline)

Na Região Norte da cidade, o CCZS dedica uma longa programação ao Dia da Consciência Negra. Nesta quarta (21), a partir das 15h, haverá uma roda de conversa sobre a cultura afro-brasileira. No dia posterior, um novo encontro está marcado, a partir das 18h, para ressaltar as memórias dos Odum Orixás.

O passinho de funk também ganha espaço no fim de semana. O artista Peeh Mendes coordena, na sexta e no sábado, uma batalha da dança. O evento se inicia às 17h nos dois dias.

IX Prêmio Zumbi de Cultura 2018

Prêmio Zumbi de Cultura chega à sua 9ª edição neste ano. Foto: reprodução/Facebook.
Prêmio Zumbi de Cultura chega à sua 9ª edição neste ano. Foto: reprodução/Facebook.

Nesta terça (20), o Sesc Palladium (Avenida Augusto de Lima, 420 – Centro) sedia o IX Prêmio Zumbi de Cultura 2018, promovido pela Companhia Baobá Minas. Com ingressos vendidos a R$ 2, a programação homenageia expoentes da cultura negra nas mais diversas áreas: dança, teatro, música, religiosidade, literatura, educação, manifestação cultural, personalidade negra, menção honrosa, protagonismo juvenil e atuação política.

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG – campus Pampulha)

“Novembro negro: reflexões e práticas sobre ser negro”. Esse é o tema da série de programações promovidas pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) para comemorar o mês dedicado aos afrodescendentes.

Até este domingo (25), uma exposição de fotos chama atenção de quem passa pela Biblioteca Central. A mostra “Contas & balangandãs – A África que Minas não vê” faz uma releitura dos adornos usados por mulheres negras em Minas Gerais desde o período colonial até os dias atuais.

Desta segunda até sexta (23), o empreendedorismo negro ganha a cena na universidade por meio da “Feira de Empreendedores Negros”. Conhecido como “Black Money”, a temática discute estratégias para que a população afro gere riquezas a partir de atividades inovadoras. O evento destaca a riqueza cultural, roupas e tecidos, ornamentos e adereços e instrumentos da população negra.

Festival AFRO Cultural Makamba

Festival AFRO Cultural Makamba vai celebrar a semana dedicada à Consciência Negra. Foto: reprodução/Facebook.
Festival AFRO Cultural Makamba vai celebrar a semana dedicada à Consciência Negra. Foto: reprodução/Facebook.

Gastronomia e música negra. Essa é a combinação oferecida pelo Festival AFRO Cultural Makamba. A festa acontece neste domingo (25), das 10h às 18h, no Mercado da Lagoinha (Avenida Presidente Antônio Carlos, 821, Lagoinha). A programação conta com feira de artesanato, comidas típicas e shows com a velha-guarda da Lagoinha e do grupo Afoxé Bandarerê. A entrada é franca.

Curta e compartilhe nas redes sociais

12Shares