Foto: reprodução/Pixabay
Foto: reprodução/Pixabay
Advertisement

Por Caroline Araújo – CRBM – 8948

Muitos de nós, principalmente os mais ansiosos, temos fissura por doces. Essas guloseimas que tanto amamos têm ligação direta com um neurotransmissor muito importante para o funcionamento do nosso corpo, a Serotonina.

Ela, além de desempenhar vários papeis fisiológicos cruciais, também é a responsável pela liberação de hormônios ligados ao prazer e ao bem-estar.


Leia também

Níveis descontrolados de serotonina nos levam a ter desejos exagerados de ingerir carboidratos e doces que, além de serem um problema quando o assunto é a balança, podem prejudicar a saúde da nossa pele.

O açúcar não é apenas o vilão do peso, pode vir a proporcionar envelhecimento cutâneo precoce. Quando ingerido em excesso, pode causar o fenômeno chamado glicação e gerar danos ao colágeno – que é um dos responsáveis pelo aspecto cutâneo jovem.

“Mas, eu devo cortar os alimentos doces da minha dieta?”

A resposta desse questionamento é bastante precisa: não devemos cortar tais alimentos da dieta. Entretanto, é de suma importância que em nosso dia a dia esses nutrientes sejam ingeridos com equilíbrio, principalmente, por quem tem diabetes.

Cortar completamente o açúcar não é a melhor opção, já que, em qualquer hipótese, o envelhecimento irá ocorrer de forma gradativa.

Devemos tentar sempre trocar alimentos com alto índice glicêmico por outros mais saudáveis, porém, não excluindo-os completamente da dieta.

Para termos um envelhecimento saudável da pele, precisamos investir em uma boa alimentação e bons hábitos de vida. Além disso, existem várias formas de prevenir o aparecimento das temíveis rugas, como os tratamentos estéticos e dermocosméticos.

Entre os recursos atuais disponíveis para retardar o processo de desgaste cutâneo, podemos citar as radiofrequências, peelings químicos, lasers, além dos dermocosméticos contendo antioxidantes potentes.

Entretanto, não deixe de consultar um profissional de confiança antes de procurar qualquer tratamento estético e nutricional, lembre-se que apenas ele poderá avaliar qual o melhor protocolo para que você obtenha os resultados esperados.


Curta e compartilhe nas redes sociais

8Shares